21 de nov de 2014

Circuito 10km do Guarujá 2014 - 5ª Etapa

Fala galeraaaa!!!
Neste post gostaria de compartilhar com vocês mais um excelente resultado: durante a temporada 2014 fui o grande Campeão da 3ª, 4ª e 5ª Etapa do Circuito de Pedestrianismo do Guarujá (25-29 anos), e agora oficialmente “Campeão do Ranking 2014 na categoria”.
Segue meu relato sobre a 5ª e última etapa do Circuito 2014:
Começo o relato falando um pouco sobre meu período "pré-prova" com um fim de semana literalmente muito corrido; basicamente na Sexta-Feira, 14 de Novembro, Gaby me mandou uma mensagem pela manhã: “Você poderia faltar na competição de Domingo?! (referindo-se ao Circuito do Guarujá)”, respondi: "Como assim amore...?!?!" E Gaby disse: "É que meu pai e a esposa dele nos convidaram para fazer viagem para Campos do Jordão hoje. Aaaiiiii, eu sabia que seria um fim de semana top, mas tinha a decisão do campeonato em mãos e nós combinamos o seguinte: Iríamos para Campos, mas voltaríamos na madrugada de Domingo, para que eu pudesse chegar a tempo para a corrida.
Saímos do Litoral ainda na Sexta-Feira por volta das 20hs, e em menos de 3 horas de viagem avistamos o portal da Cidade de Campos do Jordão. Morrendo de fome paramos numa pizzaria #gordices e dali seguimos à casa onde ficaríamos hospedados. Conheci o Valter (pai) e a Sheila (madrasta), casal muito gente boa; jogamos conversa fora e fomos descansar.
O Sábado foi bem agitado, durante o dia passeamos nos mais diversos pontos turísticos da cidade. Descansar no fim do dia?! Que nada, a noite retornamos ao centro de Capivari para passear na cidade que basicamente fica "brilhando por todos os lados", estilo coisa de cinema. Andamos bastante e claro, pausa para mais #gordices..rs' Comemos o famoso e assustador "Pastel do Maluf" com quase 30cm de puro recheio, muito bom.

Ainda no Sábado, ou melhor dizendo no Domingo, fui deitar quase 00:30hs. Mal fechei os olhos e o despertador começou a tocar, acordei até um pouco assustado; "Meu Deusssss..." como foi difícil sair da cama com aquele friozinho aconchegante, mas eu sabia que tinha competição pela frente. Saímos de Campos por volta das 3:00 horas da manhã, paramos em Bertioga para tomar café, e às 7:00 horas já estávamos no Guarujá.

Sol estralando, o corpo pesado e muito cansado... Assim eu fui para o aquecimento e para a largada; confesso que essa corrida foi na raça. Apesar de todas as adversidades, larguei num ritmo bom, com pace abaixo de 4' min. e senti confortável, assim fui baixando meu tempo a cada km. Próximo ao 5º km encontrei o Renan (grande amigo e adversário na prova, mesma categoria), ele estava num ritmo alucinante e minha dúvida era: "Seguro um pouco meu ritmo ou vou pra cima?!". Outro atleta e amigo, Milton Nogueira, estava ao meu lado, percebeu e não me deixou baixar o ritmo dizendo: "Boooora Marrone". Dessa forma ultrapassei o Renan e abri uma boa vantagem sobre ele; e o legal é que eu ainda não estava no meu limite máximo, pois tinha gás para o final da prova, meu GPS já estava marcando pace de 3'45, bom demais... Minha estratégia era segurar até o 9º km e daí em diante apertar o ritmo. Quando meu GPS marcou 8,5 km avistei a linha de chegada e a estratégia "foi por água a baixo" pois havia apenas 200 metros para a chegada. Assim cruzei a linha de chegada com 33'minutos cravados, na distância de 8,8 km (ponto negativo para a organização).

Amo correr no litoral (baixada santista) pois tenho a oportunidade de rever grandes amigos do pedestrianismo. Após receber minha premiação, eu e a Gaby retornamos a Praia Grande, ainda pegamos um Cineminha e claro mais #gordices (MC Donalds) fechando o final de semana com chave de ouro.

#ObrigadoGABY pelo apoio, incentivo e companhia nesse final de semana super agitado "foi demaisssssss"













13 de nov de 2014

Corrida Rústica Magic City - Suzano/SP

Fala galera!!!

Nos dias 08 e 09 de Setembro foi realizado na Cidade de Suzano a 1ª Etapa do Circuito Saúde, com Caminhada, Corrida Rústica, Passeio Ciclístico e Circuito KIDS (pacote completo para os amantes do esporte).

A organização do evento “Eco Adventure Sports” preparou um percurso inédito e desafiador para os atletas da categoria Corrida Rústica, a qual foi disputada na distância de 5.900 metros de trilhas insanas e estradas de terra, tudo ao redor do parque aquático (Magic City).

Largada marcada para às 15 horas?! Eu estou acostumado, mas acredito que o horário gera preocupação para os demais corredores e algumas dúvidas também, como: "Será que devo almoçar antes?" "Como suportar o calor?". O que recomendo é bastante hidratação; meu almoço foi light, um lanche na baguete (pão, salame, alface, tomate e queijo) acompanhado de suco de uva. Esqueci de mencionar a companhia da Gaby (namorada) e Elisandra (sogra), ambas também comeram o lanche só que de peito de peru.

Após comermos no Extra por volta das 11:30 (Litoral Plaza Shopping), retornamos até minha casa e aguardamos mais um guerreiro, meu grande amigo Tatu, que chegou com atraso devido ao trânsito intenso nas ruas.

Suzano é próximo do Litoral, e em menos de uma hora chegamos ao parque; encontramos vários atletas da região, e a galera da Baixada Santista estava em peso no circuito.

Após retirar meu kit de participação composto por: número de peito, alfinetes, chip e camiseta (inscrição gratuita) fui trocar de roupa e fazer meu aquecimento com 2 km de trote ao redor parque.

Posicionado para a largada encontrei grandes amigos e feras da modalidade "Trail Run", e após alguns minutos de descontração o locutor anunciou a contagem regressiva. Na largada a galera saiu num ritmo alucinante no melhor estilo “taca-lhe pau, taca-lhe pau” tanto que fechei meu 1º km com pace de 3’30 e nem estava entre os 20 primeiros ainda. A partir do 2º km começavam as subidas insanas, neste momento com muitos atletas caminhando a frente aproveitei e fui pra cima, e no trote forte fui ultrapassando um a um, fechando o km para 4’17 (punk); o 3º km alternou subidas e descidas, comecei a ficar preocupado com a Gaby e a Lisa pois elas estavam sem tênis apropriados, e as decidas eram completamente escorregadias. Para a surpresa de todos os atletas, o 4º km contava com mais uma subida daquelas... Muito íngreme e intensa, porém eu já estava na 3ª colocação do geral, avistei o primeiro e o segundo a minha frente caminhando, e fui aos poucos me aproximando, eu estava chegando perto deles até que acabou a subida e não deu mais pra acompanhar; nas decidas me mantive a 3’30 e os caras abriram uma distância absurda, acredito que rodando perto dos 3’00 por km. Daí em diante minha briga passou a ser pelo terceiro lugar, então o quarto colocado encostou e me ultrapassou, alternamos as posições diversas vezes e decidimos a classificação no "sprint final" com uma curva bem fechada; colei o mais próximo da grade e fui pra cima, fechando a prova com 24’min34"seg e uma diferença de segundos para o 4º colocado.

Não houve premiação na categoria geral do circuito, desta forma fui o grande campeão da categoria sub’30 levando pra casa mais um excelente resultado. Agradeço aos amigos presentes no evento e aos amigos que sempre torcem por mim #obrigadoGALERA









8 de nov de 2014

Treinos, Treinos e mais Treinos

Atendendo a pedidos dos amigos, começo esse post com o bom e velho 'bordão' muito utilizado nas primeiras publicações: “Fala galeraaaaaaa”

Final do ano chegando... nas competições essa é a hora de definir "quem será o campeão". Participo de 5 campeonatos simultaneamente, e de todos restam apenas uma etapa para o término do Circuito.

Novembro e Dezembro serão meses de competições em quase todos os finais de semana, e folga agora somente depois do dia 21/12.

Visando minha preparação para as próximas competições, mantenho o foco nos treinos (sempre buscando resistência e velocidade). Depois de participar do treino noturno do Halloween, fazendo 4,100 km pra 14’min00seg, começaram os treinos longos.

Sábado (01/11) foram 26,5 km com um percurso inédito apelidado como "Volta na Ilha de São Vicente". Nesta aventura tive a companhia dos grandes amigos Anderson Tatu e Eliseu Godoy (Homem de Ferro). Nosso ponto de encontro foi no Japuí, São Vicente, cheguei por volta das 7 horas da manhã (sem contar o pequeno atrasado graças ao tratante Gian Running “pilantra furão”). Checagem da hidratação/suplementação: Bananinha, Água, Cápsulas de sal, Malto Dextrin e Gatorade; nossa rota seria até o portal de Santos, sendo na ida 12,5 km e na volta mais 12,5 km, totalizando 25 km. Saímos do Japuí pegando a rodovia dos Imigrantes, interligação com Cubatão, e a rodovia Anchieta; no meio do caminho dei a ideia de mudar o trajeto, Tatu ficou preocupado com o horário mas afirmei que seria melhor se fossemos pela "Avenida Nossa Senhora de Fátima" cortando por dentro de São Vicente. Tatu falou que tinha dinheiro se precisasse voltar de busão, e assim demos continuidade ao treino. Depois do 18 km percebi que o Eliseu estava suando muito e aumentou a velocidade (na verdade ele estava louco para ir ao banheiro kkkkk). Paramos num posto e cadê o Eliseu?! Eu e tatu aproveitamos para abastecer as squeezes; chegando no centro de São Vicente o trajeto havia encurtado 1,5 km, tatu no pique tomou a frente e puxou o ritmo até o final da “Praia das Vacas”, e dessa forma fechamos os 26,5 km. Treino show, endorfina em êxtase e tatu ainda nos serviu água de coco, água e gatorade.



Domingo (02/11) foram mais 18 km com a galera do "Runners From Face", pessoal do Jurandir; Eu comparo os treinos dele com uma corrida pela quantidade de pessoas e a animação delas. Dessa vez o treino foi realizado na Pouca Farinha, Guarujá, o ponto de encontro foi às 7:00 horas em Frente a Balsa, aos poucos chegavam turmas de 3 a 5 atletas e quando fizemos a foto oficial passavam de 50 pessoas (precisando fazer duas viagens pela balsa). Tive a companhia da Gaby e da Elisandra (estreantes nos treinos do Jurandir) e desta vez o treino foi mais intenso, fui acompanhando a Elisandra, que após o 1º km apertou o ritmo, e fomos juntos até o 6,5 km; ela retornava para completar os 13 km e eu segui em frente rumo aos 20 km. Comecei a forçar o ritmo alternando aclives e declives, mantive um pace de 4’20 até o Mirante; chegando lá meu GPS marcava 9 km... alguns estavam parados alongando, tirando fotos e pensei: "se eu parar fud...". Retornei pelo mesmo trajeto, na volta ainda encontrei Gaby e Eliseu (estavam mandando ver nas subidas), e assim conclui mais um treino showwww!









Meu domingo terminou com filmes, cama e muito descanso, agora o próximo desafio será em Suzano no dia 08/11 “Prova de Montanha”.

Abraços
Boa semana e bons treinos
Rafael Marrone

5 de nov de 2014

Treino Noturno de Halloween - São Vicente

A “Equipe Angra” em parceria com o “Quiosque Bebemorando” realizou dia 31/10 em São Vicente (Praia do Itararé) mais um treino noturno, dessa vez em comemoração ao dia do “Halloween". Toda a estrutura do treino estava decorada de acordo com o tema, repleta de doces e travessuras.

Convidado para participar de mais uma grande festa, só consegui confirmar minha participação no próprio dia do evento (devido aos meus compromissos), porém liberado da faculdade fui para a concentração em São Vicente por volta das 18:30 horas na companhia da Gaby.

Correr na Baixada Santista é sempre bom pois reencontro meus brothers. A largada estava prevista para 20:00 horas, assim aproveitei para colocar em dia as conversas com os amigos, e fiquei feliz em rever alguns que estavam machucados: Sandro, Dilson, Ricardo Nunes (grandes feras do pedestrianismo).

Eu queria usar esse treino como um teste de velocidade, afinal correr os 4km seria como um tiro para morte, desta forma minha largada começou num ritmo alucinante; com saída em frente ao quiosque Bebemorando seguimos sentido ao Ilha Porchat... Romildo (atleta e organizador do evento) foi puxando a galera até o 1º km (pace 3’20), a partir daí assumi a liderança, seguido pelo atleta da região “Ivan Corredor”. Acostumado com provas na areia mantive o ritmo forte passando o 2º km abaixo de 3’30 e o retorno da prova foi em frente à pedra da feiticeira, local com staff sinalizado por lanterna; na volta observei meus adversários, então percebi uma distância confortável. Liderando a prova de forma isolada tripliquei minha motivação, assim mantive o ritmo forte passando o 3º km no pace de 3’27, e no retorno do Ilha Porchat a diferença era de 500 metros entre mim e o 2º colocado; com essa sensação "incrível” eu queria diminuir ainda mais no 4º e último km. Na chegada vários amigos gritando: “VAI MARRONE” me motivaram ainda mais, e cravei os 4,100 km no tempo de 14min00seg.

Classificação Geral Masculina:

1º Rafael Marrone Fonseca
2º Ivan Corredor
3º Wilton Aparecido do Amparo



2 de nov de 2014

Circuito Peruíbe de Pedestrianismo 2014 - 2015

Neste Domingo (26/10) foi realizada a 2ª Etapa do "Circuito Peruíbe de Pedestrianismo 2014/2015", promovida pelo Atenas Projetos e com apoio da Prefeitura de Peruíbe; sendo disputada em 4 categorias: 1km, 3km, 5km e 10km.

A estrutura foi montada em frente a praia ao lado do residencial Bounganville; a prova reuniu atletas da região e cerca de 300 pessoas brigaram pelo lugar mais alto do pódio.

Após 4 semanas de poucos treinos e competições, ainda em ritmo de férias #sqn, me inscrevi na prova como preparação para a reta final das competições nas montanhas (a qual luto pelo título da temporada).

Dia de eleição no Brasil, estradas livres, e na divisa de Itanhaém / Peruíbe pegamos uma tremenda chuva antes da prova, o que nos causou certa preocupação em relação à competição, mas chegando em Peruíbe o céu estava nublado e o clima perfeito para correr.

Nessa prova tive também a companhia da Gaby e da Elisandra, sem falar que reencontrei muitos amigos nessa prova. E assim, nesse clima agradável e descontraído retirei meu kit e percebi que meu numeral era mais uma vez o “13” (será dia de azar?)..rs. Logo encontrei outro amigo (Edu Pachieri) com o numeral “45” e começaram várias brincadeiras relacionadas às eleições. E ainda na companhia do Edu, fizemos um trote leve por cerca de 2km.

Às 9:00 horas foi dada a largada sentido praia do Centro, e minha estratégia era correr de maneira progressiva, segurei no começo e a galera foi embora, passando meu 1º km pra 3’50 pelas contas eu estava entre os 50 primeiros; já no 2ºkm tudo saiu como planejado e baixei para 3’47... ainda próximo ao 2,5km encontrei Julio, Adam e Flávio num ritmo alucinante, grudei no pelotão e fechamos o 3ºkm pra 3’46. Adam abriu e eu fui na cola, enquanto Julio e Flávio ficaram pra trás, Adam é meu amigo e também rival (pois somos da mesma categoria), abriu uns 30 metros a minha frente e manteve. Minha estratégia acabou mudando de acordo com a situação do momento, mas segui firme atrás dele mantendo os paces para 3’49... no 8º km resolvi ir pra cima e consegui diminuir a distância entre eu e Adam, me empolguei, mas por infelicidade a pulseira do meu relógio (GPS) quebrou, parei para pegá-lo do chão e quando voltei para a prova percebi que a distância havia aumentado, ficando difícil de buscar, mesmo assim apertei bem no finalzinho... mas não teve jeito, fechei a prova com 38’min20seg.

Na categoria 25/29 anos o pódio foi formado pelos atletas:

1º Marcelo Adam 38’m09seg
2º Rafael Marrone Fonseca 38’m20seg
3º Wesley Santos 39’m03seg
4º Natan Gutierrez Ferreira 39’m40seg
5º Julio César Nazarian Polastre 39’m59seg